Social Icons

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

VALORES ABSTRATOS













Onde ficaram minhas cartas?
Depositei minhas energias
E não foi uma perda de tempo
Sem valor, algum valor 
Haviam versos do meu Amor
Superficial no abrir
De folhas emboloradas
Foram sentimentos engavetados
Sem preces ou cuidados
Perfumes de boa fragância
Foram todas aromatizadas
Alguns selos para registrar
Marcas seladas do peito
Pequenos valores abstratos
você sempre teve de tocar
Para poder confiar, acreditar
Até o momento de tudo renunciar
Ah! silêncio...beija-me agora
Toque minha boca, um lábio
Toque, sem precisar de nada
Um pouco de calor, uma lareira
Solte sua chama, tão bela
Sem pressão, respire comigo
Vou escrever outras escritas
Esteja mais tranquila
Posso permanecer do seu lado
Não sendo uma promessa
Com você eu tenho pressa.


Autor: Ricardo Andrade