Social Icons

terça-feira, 2 de julho de 2013

ESPELHO

Quantas vezes já brincamos à toa,
Procurando algo um no outro,
E nessas brincadeiras encontramos,
Muito do que sempre buscamos.

Mulher feita, graciosa menina,
Às vezes tão dispersa, desapercebida,
Às vezes tão responsável, amadurecida,
Nesses momentos você nem liga.

Pouco atencioso, distante a vejo,
Nesse precioso momento de desejo,
Dois lados de um mesmo lado ,
Por horas permaneço calado.

Na tentativa de ficar só te olhando,
Você não me permite, me omite,
Perde a razão, deixa cair a emoção,
Com seu estilo abre o coração.

Então adentro no seu santuário,
Como um desconhecido soldado,
Peregrino de toda sua bela corte,
Com o intuito de por você ser amado.

Autor: Ricardo Andrade