Social Icons

terça-feira, 2 de julho de 2013

INDAGAÇÃO

Acho que um outro alguém assumiu o posto,
Tudo o que disse um dia não passou de mentiras,
Tão ingênuo acreditei em você,
Fiz tudo o que pude para não te perder.

Você coleciona fantoches em suas prateleiras,
Escravos dos teus enganos e desencantos.
Como pode perceber, fui diferente entre tantos.
Por dentro dos teus labirintos, não me perco mais.

Agora os meus planos são outros...

Pode se passar vidas, você tem que ter coragem,
Situações criadas, atmosferas acampadas.
Algum dia, eu deixei algo a desejar?
Hoje vejo, na sua coleção, que só houve insatisfação.

Quem será um outro alguém colecionado? 

Mais um troféu de ouro guardado...

Tantas desculpas já não correspondem aos fatos,
Porque o ar de superioridade te traz a ilusão de ser uma deidade?
Isso sempre foi sua satisfação, ser o foco de passageira admiração,
Isso te torna melhor, faz de você maior?

E aquele "amor", que chamou quando no chão precisou? 

Precisou, usou e de nada adiantou...

Autor: Ricardo Andrade